Puxe uma cadeira, pegue um café e viaje com a gente!
 

Onde comer “ajoelhado” em Bento Gonçalves: Restaurante Caldeira

O Restaurante Caldeira em Bento Gonçalves (RS) é sempre uma indicação certeira que dou aos amigos.  Situado na cidade de Bento (e não nas rotas turísticas mais afastadas), o Caldeira faz parte daqueles lugares que tem que ir se você gosta de comer bem. Não é por menos que é campeão em avaliações no TripAdvisor na categoria melhores restaurantes de Bento Gonçalves.

Já deveria ter escrito sobre o Caldeira no ano passado. Contudo, ainda não tinha fotos dignas que representassem o que é o prato famoso da casa. Coisa que tratei de resolvei quando soube que iria jantar novamente lá com o grupo de jornalistas e blogueiros.  Todos os amigos que indiquei o restaurante  foram unânimes: “nossa, é muito bom, Alexandra!”  E todos também elogiaram muito o atendimento dos garçons e do proprietário da casa, o Rafael Caldeira.

mural com recados e elogios dos clientes do Caldeira

Mas já vou avisando: não espere um ambiente italiano (típico do turismo na região). A decoração do Caldeira está mais para um wine bar pequeno, sem grandes atrativos. Aliás, os atrativos estão à mesa. Foque neles. A comida é fantástica: pratos de carnes, frutos do mar, petiscos, massas e risotos.

pão recheado no couvert

E o melhor: o preço é justo. Começamos a noite com uma salada da casa que levava farofa e cebola, bem gostosa.

O vinho sugerido estava fantástico: um Valmarino Merlot da região de Pinto Bandeira (RS). Fiquei fã do vinho e com vontade de conhecer a vinícola que está no mesmo roteiro da Don Giovanni e Cave Geisse, próximo ao Caminhos de Pedra.

Mas a grande estrela da casa é a respeitável Polenta cremosa com o Ossobuco servidos separadamente em panelas de ferro. O prato serve duas pessoas ou mais. É incrível. Se jogue nele.

sou apaixonada por este prato do Caldeira

As sobremesas são uma obra de arte. O sorvete de creme com calda de vinho e cebola é famoso na casa. Para o meu paladar foi exótico demais, mas a grande maioria à mesa se apaixonou.

Gostei mais do doce que pedi, a pera ao moscatel com sorvete de uva. Fechou com chave de outro.

Dias depois da visita ao restaurante, recebi da assessoria de imprensa um presentão: a receita do ossobuco com polenta cremosa. Anota! Mas por favor, não deixe de provar ajoelhado quando estiver em Bento a receita original do Caldeira. Dica: faça reseva!! Ah, só abre à noite, viu!

Receita: Ossobuco com polenta cremosa

(4 pessoas)

Ossobuco
– 4 unidades de ossobuco com cerca de 4 cm de altura
– 2 latas de tomates pelados
– 1 taça de vinho tinto (pode ser aquele que você vai tomar com a receita)
– 1 bouquet garni (com manjericão, louro, orégano, alecrim e tomilho)
– alho e cebola picados a gosto
– 1 pimenta dedo de moça picada
– salsão picado
– sal a gosto

Polenta cremosa
– 5 xícaras de caldo de carne ou legumes
– 1 1/2 xícara de farinha de milho média
– 2 colheres de sopa de manteiga
– 1/2 copo de requeijão
– sal a gosto

Comece pelo ossobuco: Numa panela grande, coloque um fio de azeite e frite cada pedaço do ossobuco para selar (até ficar dourado). Retire a carne, coloque mais um fio de azeite na panela (aproveitando aquele tostadinho) e refogue o alho e a cebola. Volte a carne para a panela, tempere com sal e pimenta, coloque o bouquet garni , o salsão e o vinho. Coloque os tomates pelados e um pouco de água, se necessário. Deixe cozinhar lentamente até a carne ficar bem macia (mais ou menos 2 hora e meia), vá colocando um pouco de água (ou caldo de carne) se necessário.

Enquanto a carne cozinha, braços fortes para mexer a polenta. Ferva o caldo e despeje a farinha de trigo lentamente, sempre mexendo para não empelotar. A farinha de trigo demora uns 30 minutos para cozinhar, então, força! Quando a polenta estiver cozida, desligue o fogo e misture a manteiga e o requeijão.



SAIBA MAIS


CALDEIRA RESTAURANTE E BAR
Rua Antônio Ducatti, 138 – Cidade Alta | Bento Gonçalves – RS
Brasil
Tel. (54) 3701.0272
Horário: de terça a sábado das 19:30h às 23h
SITE:  restaurantecaldeira.com.br

Veja mais Dicas de onde comer em Bento Gonçalves : 

 

Vinícola Cristofoli | almoço harmonizado e tour vinho e paisagem (na Rota das Cantinas Históricas)

Restaurante Valle Rústico | experiência de charme no Vale dos Vinhedos

Del Filippi |  galeto e pratos típicos da região próxima a rota do Vale dos Vinhedos

Nonna Ludia (Caminhos de Pedra) | restaurante em casarão antigo de pedra que serve comida típica da região

Casa Vanni (Caminhos de Pedra | restaurante charmoso para almoço com um jardim especial para curtir em dias de sol

Pignatella (Vale do Rio das Antas – Distrito de Tuiuty) restaurante de cozinha tirolesa

+Post índice com tudo sobre Bento Gonçalves (RS) e arredores

*O Café Viagem participou da abertura da Vindima 2017 a convite da Secretaria de Turismo de Bento Gonçalves e parceiros da região. O jantar deste post no Caldeira foi uma cortesia no roteiro da press trip organizada pela Conceitocom Brasil.

Compartilhar este Post
Escrito por

Muito prazer, sou Alexandra Aranovich, autora do Café Viagem - blog para quem acorda sonhando com a próxima viagem. Sou publicitária e sommelier em formação pela ABS-RS. Acima de tudo, apaixonada por café da manhã, vinho e experiências gastronômicas. Moro em Porto Alegre, mas vivo com o coração no mundo.

Comentário Recente

DEIXE SEU COMENTÁRIO