Puxe uma cadeira, pegue um café e viaje com a gente!
 

Guatambu – os novos vinhos premium da estância do vinho do RS

* Série Especial Rota Farroupilha RS – Vinícola Guatambu | Dom Pedrito

Infelizmente, não pude fazer toda a viagem da Rota Farroupilha. Mas a jornalista Criz Azevedo vez alguns trechos  representando o Café Viagem. Um desses locais que não fui e adoraria ter voltado foi Dom Pedrito (RS). Por lá, o grupo fez um tour na cidade, se hospedou no Hotel Alexandre, fez uma deliciosa refeição no restaurante Cumbuca e visitou a Guatambu Estância do Vinho (fiz esse mesmo passeio em 2013, veja aqui!). Ao final deste post, indico os links para você pesquisar do Café Viagem e dos blogs participantes deste projeto e organizar o seu roteiro na região.

Guatambu (15)

No entanto, se não deu para voltar à vinícola enoturística Guatambu pelo menos tive a chance de degustar a nova linha de vinhos ultra premium da Guatambu. Cada vez mais apaixonada pelos vinhos da Campanha Gaúcha, este post traz a dica dos rótulos Lendas do Pampa para quem quiser “viajar pelo RS na taça”.guatambu-lendas-do-pampa-6

No final de agosto, a Guatambu Estância do Vinho, de Dom Pedrito, apresentou os novos vinhos tintos varietais. O Café Viagem estava no evento de lançamento em Porto Alegre (RS) na Vinho & Arte e degustou a nova linha ultra premium com três rótulos: o Lendas do Pampa Tempranillo, o Lendas do Pampa Cabernet Sauvignon e Lendas do Pampa Tannat. Cada um dos vinhos tem no máximo 1.200 garrafas numeradas.

Valter José Pötter, proprietário e diretor da Guatambu, apresentando os novos rótulos

Valter José Pötter, proprietário e diretor da Guatambu, apresentando os novos rótulos ao lado da família

A pouca quantidade se deve ao fato dos três vinhos serem elaborados com as melhores parcelas de cada uva do terroir da estância – vinhedos  que chegaram a uma fase madura com plantas de 13 anos de idade.

guatambu-lendas-do-pampa-2

Eu apreciei muito o trio, mas indico fortemente o tempranillo às mulheres. É um vinho leve e com personalidade suave. A uva é de origem espanhola que se adaptou muito bem na região da campanha gaúcha. O cabernet sauvignon é considerado a melhor uva do terroir da Guatambu, mudas importadas da França.  Mas o meu preferido, após o tempranillo, foi o tannat. Os vinhos estagiaram em barril de carvalho virgem, francês e americano, por 13 meses. São mais encorpados e com a forte identidade da Campanha Gaúcha.

Eu e as "4 mulheres por trás da Guatambu"

Eu e as “4 mulheres por trás da Guatambu”

O nome Lendas do Pampa foi inspirado em histórias da cultura gaúcha, em especial ao evento que marcou Dom Pedrito contado no conto do Baile dos Anastácio ( final do século XIX). Trata-se de um baile famoso da região que durou 30 dias.  Organizado por um grande estancieiro da épica que queria casar suas filhas.

brinde ao lançamento desta vinícola que tenho um carinho especial por todo o conceito perfeito, qualidade dos vinhos e pelo projeto de enoturismo nos pampas

brinde ao lançamento dos rótulos dessa vinícola que tenho um carinho especial por todo o conceito perfeito, qualidade dos vinhos e pelo projeto de enoturismo nos pampas

Os tintos Lendas do Pampa Tannat e Lendas do Pampa Cabernet Sauvignon são vinhos premiados com Medalha de Ouro na Grande Prova Vinhos do Brasil 2016. Têm o valor comercial próximo a outro ícone da vinícola, o Épico, e custam por volta de R$ 120.

guatambu-lendas-do-pampa-5

 

 

LEIA TAMBÉM SOBRE DOM PEDRITO E  GUATAMBU NO
CAFÉ VIAGEM E EM OUTROS BLOGS DA #ROTAFARROUPILHA

Vinícola Guatambu por Andarinhos do Mundo

Hotel Alexandre e a gastronomia do Cumbuca em Dom Pedrito

Hotel Alexandre por Mochilinha Gaúcha

Tour, degustação e almoço na Guatambu por Peripécias de uma Flor

Rastros e sabores do Pampa em Guatambu, a Estância do Vinho


 

cafe viagem
SAIBA MAIS

 

GUATAMBU – ESTÂNCIA DO VNHO
Dom Pedrito – Rio Grande do Sul | Brasil

BR 293, Km 265
Tel.: (53)3243.3295 – (53)9997.9016
Email: visita@guatambuvinhos.com.br
Site oficial | Facebook | Almoço Harmonizado

Vinícola boutique que recebe os turistas oferecendo degustação, parrilla e espaço para eventos. Trabalha com administração familiar, em pequena escala, somente com uvas próprias, desde 2003. Localizada no pampa gaúcho. Desde maio de 2016 funciona com 100% de energia solar, tornando-se o primeiro empreendimento da área na América Latina movida através de energia limpa.

 

Gostou da dica?  Precisa reservar seu hotel na região? Sabia que você pode reservar pelo link do Booking do Café Viagem (pesquise aqui ). Sem custo adicional, reservando pelo nosso link você ajuda o Café Viagem a seguir dando boas dicas e informações legais de viagem. Como? É que as reservas feitas pelo nosso link geram uma pequena comissão que cobre nossos custos de manutenção. São um incentivo que faz toda a diferença!

Compartilhar este Post
Escrito por

Muito prazer, sou Alexandra Aranovich, autora do Café Viagem - blog para quem acorda sonhando com a próxima viagem. Sou publicitária e sommelier em formação pela ABS-RS. Acima de tudo, apaixonada por café da manhã, vinho e experiências gastronômicas. Moro em Porto Alegre, mas vivo com o coração no mundo.

Sem Comentários

DEIXE SEU COMENTÁRIO