Puxe uma cadeira, pegue um café e viaje com a gente!
 

Dois jantares inesquecíveis na Praia do Rosa

Acho que desde 2002 eu não ia a Praia do Rosa. Mas este ano fomos lá conferir alguns lugares que ouviamos falar muito bem. Nossas escolhas, entre tantas opções que o Rosa oferece, foram: Lua Marinha e Urucum.

O Lua Marinha é TUDO DE BOM. E é assim escurinho e todo delicioso. Fácil de encontrar. É o lugar mais bem sinalizado que já fui. Basta entrar na estrada do Rosa, ficar olhando para a direita. Quando aparecer a placa do restaurante é só seguir. Parece que não vai dar em lugar nenhum, mas chega a um cantinho charmoso na beira de uma lagoa. Falam que o fim de tarde lá é impressionante, mas quando cheguei já era noite (dá pra ver nas fotos que estão bem escuras). O local não é nada muito sofisticado, mais pra rústico e romântico. Mas é mesmo a comida o motivo que vai me fazer voltar e sonhar muito com esse lugar. Conversando com o garçom, descobri que a chef cozinhou para o Cirque du Soleil e para a equipe do show da Madonna. É top mesmo de linha.
Pedimos 2 caipirinhas e esta entradinha que era ma-ra-vi-lho-sa: carpaccio de salmão com laranja. Não tente imaginar. Peça.
O prato principal , polvo à portuguesa, foi uma sensação única: a textura do polvo era diferente de tudo que eu já comi de polvo na vida. Logo que voltei das férias fui a São Paulo e não comida nada que chegasse nem perto deste prato. A bebida que acompanhou tudo isso foi um vinho verde que fechou todas. O preço disso tudo = R$ 170,00. E olha que a gente passou bem e o vinho foi caro: R$75,00. Achei que vale muito.
Estava tudo tão bom no Lua Marinha que fiquei até com medo de me decepcionar com outro lugar no Rosa. Mas fui. O Urucum foi nossa segunda escolha. Fica num lugar liiiindo e dentro de uma pousada maravilhosa: Solar Mirador. Foi eleita inclusive uma das melhores pousadas para casais no Guia Quatro Rodas. Tem uma senhora vista da praia e da lagoa. A decoração do hotel também já vale a vista. Espia lá no site deles. Já deu pra sentir que eu não me decepcionei, né?


NÃO PERDE A CASQUINHA DE SIRI. Ela é toda decoradinha e gostosa. O prato principal foi outra supresa : salmão com limão e um purê de abóbora e mandioca pra acompanhar. Acho que qualquer prato de frutos do mar lá deve ser uma delícia.

Comida 10! lugar 10! E a gente ainda tomava o nosso vinho namorando no deck da piscina antes do prato chegar. Fiquei só imaginando como deve ser bom o o café da manhã desse hotel!

Saíndo do restaurante demos um pulinho numa rua ali perto que tem vários bares e restaurantes. Fiquei apavorada como tudo cresceu e eu nem tinha idéia. São muitos lugares para descobrir.

 

Compartilhar este Post
Escrito por

Muito prazer, sou Alexandra Aranovich, autora do Café Viagem - blog para quem acorda sonhando com a próxima viagem. Sou publicitária e sommelier pela ABS-RS. Acima de tudo, turista apaixonada por café da manhã, vinhos e experiências gastronômicas. Moro em Porto Alegre, mas vivo com o coração no mundo.

Sem Comentários

DEIXE SEU COMENTÁRIO